29/12/2021 às 09h54min - Atualizada em 29/12/2021 às 09h54min

Delegado Heleno dos Santos será o coordenador estadual da Operação Hórus na Polícia Civil

Rádio Missioneira
 

A partir de janeiro, Heleno dos Santos, delegado titular da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) de São Luiz Gonzaga assumirá como coordenador estadual da Operação Hórus pela Polícia Civil.

Em entrevista ao programa Jornal da Manhã na Missioneira FM 94.9 nesta quarta-feira (28), o delegado informou a importância da operação para a segurança pública do Rio Grande do Sul.

“Vamos intensificar nossa troca de informações com as outras bases da operação que estão espalhadas pela fronteira”, disse.

Conforme Heleno dos Santos, a Operação Hórus é um programa do Governo Federal, com foco na atuação em áreas de fronteira. Tem como característica o trabalho integrado com outras forças de segurança, como a Brigada Militar. Nas Missões, a operação já resultou na prisão de vários criminosos.

Falando sobre a atuação da Draco, o delegado Heleno informou, também, que a delegacia ao longo de 2021 realizou diversas ações visando o combate não somente do tráfico de drogas, mas coibindo a prática de organizações criminosas ligadas a outros crimes.

Heleno ressaltou que a ação da Draco requer muito aperfeiçoamento dos policiais e o uso de equipamentos sofisticados, como fuzis, pistolas e coletes balísticos reforçados. A Draco de São Luiz Gonzaga possui, por exemplo, capacetes balísticos com óculos de visão noturna, equipamento que não existe em outras delegacias do Rio Grande do Sul.

Recentemente, uma operação integrada contra o tráfico de drogas, inclusive com ramificações na região Metropolitana de Porto Alegre, resultou na prisão de 17 pessoas em vários municípios, inclusive São Luiz Gonzaga, com a apreensão de 350 quilos de drogas.

A operação concluiu que a cidade de São Luiz Gonzaga servia como entreposto na distribuição de entorpecentes. O delegado Heleno ressaltou que novas prisões serão realizadas, já que 32 pessoas foram indiciadas. 

“Aqueles envolvidos que ainda não foram presos, podem ter certeza que a sua hora chegará”, concluiu.

O contato com a Draco de São Luiz Gonzaga pode ser feito pelo número de WhatsApp (55) 98423-6177. O anonimato no momento das denuncias é garantido.
 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »