29/12/2021 às 13h58min - Atualizada em 29/12/2021 às 13h58min

Ministério da Saúde diz que enviará médicos de atenção primária e especializada para a Bahia

Fortes chuvas no estado deixaram ao menos 21 mortos e 471 mil pessoas afetadas

Correio do Povo

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse em entrevista nesta quarta-feira que a pasta está concentrada em socorrer as pessoas afetadas pelas fortes chuvas na Bahia. “Vamos trabalhar hoje na perspectiva de termos mais recursos para a saúde pública na Bahia. Vamos fortalecer a atenção primária com médicos e também a atenção especializada. Estou com uma equipe técnica discutindo esse assunto para ver como podemos fortalecer o estado com recursos financeiros”, afirmou.
Queiroga acrescentou que já há profissionais emergencistas da Força Nacional na região, e que médicos da atenção primária devem chegar à Bahia na primeira semana de janeiro para fortalecer as ações de saúde.
De acordo com a Defesa Civil da Bahia, o mau tempo no estado deixou ao menos 21 mortos e 471 mil pessoas afetadas. Além disso, 136 municípios decretaram situação de emergência por conta das inundações. Em decorrência dos estragos, diversas instituições organizam campanhas para arrecadar recursos e destiná-los às famílias atingidas pelas fortes chuvas. 
O governo federal também passou a receber, de forma virtual, doações para ajudar as pessoas na Bahia e em Minas Gerais. O portal Pátria Voluntária 
indica dados bancários para doações financeiras e postos de arrecadação, onde a população pode entregar itens de vestuário.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »