04/03/2022 às 08h37min - Atualizada em 04/03/2022 às 08h37min

Forças russas ocupam área de central nuclear ucraniana

Local foi alvo de ataques durante a noite dessa quinta-feira

Correio do Povo

As tropas russas ocupam a área da central nuclear ucraniana de Zaporizhia, que foi alvo de ataques durante a noite, informou a agência de inspeção de usinas atômicas da Ucrânia, que informou não ter detectado um vazamento radioativo.

Zaporizhia, a maior central nuclear da Europa, fica 150 quilômetros ao Norte da península da Crimeia. De acordo com o governo de Kiev, projéteis russos que atingiram a usina nas primeiras horas da sexta-feira provocaram um incêndio em um edifício e um laboratório.

As equipes de emergência conseguiram controlar as chamas. "O território da central nuclear de Zaporizhia está ocupado pelas Forças Armadas da Federação Russa", afirmou a agência estatal ucraniana. "Não foram registradas mudanças no nível de radiação", completou.

A agência informou ainda que "funcionários operacionais controlam os blocos de energia e garantem seu funcionamento de acordo com as exigências das regulamentações técnicas e de segurança". Inspeções estão sendo organizadas para entender os danos com precisão.

Dos seis blocos, o primeiro está fora de operação, os número 2, 3, 5 e 6 estão em processo de resfriamento e o 4 permanece operacional. A agência não informou qual era a situação dos blocos antes do ataque. "A segurança nuclear está garantida agora", afirmou durante a noite Oleksander Starukh, diretor da administração militar da região de Zaporizhia. O ataque não provocou vítima, informaram as equipes de emergência ucranianas no Facebook.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »