24/07/2019 às 09h14min - Atualizada em 24/07/2019 às 09h14min

Inter busca ser competitivo em duelo com Nacional na Libertadores

Correio do Povo
Ou “lutar”, ou “brigar”, ou “competir”. Ou, ainda, todas elas juntas. Em qualquer entrevista concedida por colorados nos últimos dias, projetando a volta à Libertadores da América, essas palavras foram repetidas. Todas ou pelo menos uma delas. Com esse espírito, de competição e de superação, o Inter encara o Nacional, às 19h15min, no estádio Parque Central, em Montevidéu.
“Vai ser um jogo difícil, complicado. O Nacional compete bastante, briga bastante. E nesse aspecto é bem parecido com a gente. Vamos procurar manter o nosso padrão, que é recuperar a bola o mais rápido possível e brigar. Temos que ser intensos no jogo”, enfatizou o volante Edenilson, já em Montevidéu. Ainda em Porto Alegre, um dia antes, Paolo Guerrero deu um discurso parecido, como se fosse ensaiado: “Eles (Nacional) não param, lutam até o final. Por isso, temos que fazer a mesma coisa: lutar, competir, dividir, que é o nosso DNA, e jogar o futebol. Se fizermos isso, vamos criar chances de gol”.
Como o próprio Guerrero afirmou, além de lutar, brigar e competir, o Inter precisa jogar no Parque Central. Para isso, Odair Hellmann deverá escalar D’Alessandro, com a função de armar as jogadas para Guerrero e Nico López, que jogará contra o clube que foi o berço de sua trajetória no futebol. Nico, inclusive, tem o escudo do Nacional tatuado em um dos seus braços. “Ele está com tesão para jogar lá”, disse Guerrero, que passou situação idêntica quando o Inter jogou contra o Alianza Lima de sua infância, na primeira fase da Libertadores da América.
O Inter treinou em Montevidéu, mas Odair Hellmann não deu pistas sobre a escalação, até porque mandou fechar os portões do estádio Jardines del Hipódromo durante a parte em que ajustou a equipe titular para a partida. Antes, em Porto Alegre, ele forneceu indícios de que Patrick está retomando a titularidade, fazendo Nonato virar opção no banco. Assim, o meio-campo terá o tripé de volantes que foi a marca dos melhores momentos do Inter com Odair no comando, principalmente na temporada passada.
Libertadores 2019 - Oitavas de final - HOJE
Árbitro: Néstor Pitana (Arg)
Horário: 19h15min (horário de Brasília).
Local: estádio Parque Central, em Montevidéu (URU).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »