26/08/2019 às 10h51min - Atualizada em 26/08/2019 às 10h51min

Contaminados por doença, 28 cavalos são sacrificados em São Borja

G1 RS
Foto Ilustrativa

Contaminados por Anemia Infecciosa, 28 cavalos foram sacrificados em São Borja, na fronteira com a Argentina. Segundo a secretaria da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Rural, 22 equinos estavam em uma hotelaria e outros seis em uma propriedade vizinha. Depois de diagnosticados com a doença, os animais foram enterrados.

"Esse fato não interfere nos desfiles da Semana Farroupilha", assegura Antônio de Quadros Neto, o Cacaio, diretor do Departamento de Defesa Agropecuária da secretaria. Segue a obrigatoriedade do exame negativo de Anemia, a cada 6 meses, como condição para a liberação da Guia de Trânsito Animal (GTA).

Para o Mormo, a periodicidade do exame também é de 6 meses. A novidade, neste caso, é que a declaração de zona livre da doença no estado já tem data para acontecer: 17 de junho de 2020, se nenhum outro caso surgir até lá e se derem negativo todas as seis mil amostras que serão coletadas no Rio Grande do Sul, no segundo semestre.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »